Seletor idioma

Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Resumo Histórico
Início do conteúdo da página

Resumo Histórico

Publicado: Segunda, 23 de Julho de 2018, 12h48 | Última atualização em Quarta, 25 de Julho de 2018, 08h58 | Acessos: 518

O Curso de Farmácia da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) foi localizado desde a sua criação até meados de julho de 2015 na Rua Alexandre Amorim, 330, Aparecida, Manaus-AM. CEP: 69010-300 e a partir daí no Campus Universitário UFAM, Setor Sul, foi criado em virtude da Lei Nº 4.069-A, de 12/06/1962 e reconhecido pelo Decreto Federal Nº 71.768, de 26/01/1973, publicação no Diário Oficial de 29 de janeiro.

A Universidade Federal do Amazonas, foi primeiramente instalada em Manaus como Escola Livre de Manaus, fundada em 19 de janeiro de 1909, cujo Curso de Farmácia formou sua primeira turma em 1 de janeiro de 1912. Em 22 de outubro do mesmo ano a Escola Livre mudou sua denominação para Universidade de Manaus. Em 1926 a Universidade de Manaus encerrou suas atividades, motivada pela queda de preço do seu principal produto – a borracha e a conseqüente derrocada da economia amazonense.

O retorno da universidade em 1962 foi uma iniciativa audaciosa para a época, mas de suma importância pra um devir que se aproximava, constituindo-se em uma das pilastras de sustentação, como órgão formador de recursos humanos, para o ciclo desenvolvimentista que se instalou em conseqüência do Decreto Lei número 288/1967, o qual criou a ZFM.

Em virtude da Lei 4.069-A, de 12 de junho de 1962, foi recriada a Faculdade de Farmácia e Odontologia, e instalada no dia 4 de dezembro de 1965, juntamente com outras faculdades. O início do funcionamento do Curso de Farmácia ocorreu no ano de 1967 e já em 1970 formava-se a primeira turma de farmacêutico, com 11 alunos, inaugurando uma seqüência ininterrupta de diplomações, totalizando no presente ano 614 profissionais.

A Faculdade de Odontologia e Farmácia foi desmembrada em cumprimento à Resolução nº 32, de 14 de junho de 1972, do Conselho Universitário. A Faculdade de Farmácia foi reconhecida pelo Decreto Federal nº 71.768, de 26 de janeiro de 1973, publicado no Diário da União, em 29 de janeiro de 1973. Através da portaria nº 614, de 4 de outubro de 1976, foi autorizada a instalação da Faculdade de Ciências da Saúde, que passou a englobar administrativamente os Cursos de Farmácia, Odontologia e Medicina.

Durante muitos anos, o Curso de Farmácia fez parte do complexo “Faculdade de Ciências da Saúde (FCS)”, que albergava também os Cursos de Medicina e Odontologia, com o desmembramento da FCS, foi criada a Faculdade de Ciências Farmacêuticas na data de 25/07/2007, segundo Resolução 074/2007, do Conselho Universitário – CONSUNI, a qual compreende seus cursos de graduação, seus programas de pós-graduação, seus projetos e programas de pesquisa e extensão e todo o pessoal docente e técnico-administrativo em Educação nela lotado para a consecução de suas atividades finalísticas.

Diretores

1909 – 1910: Astrolábio Passos

1910: Galdino Martins de S. Ramos

1965 – 1975: Manoel Bastos Lira

1976 – 2007: administrada pelos Departamentos de Medicamentos e Alimentos e Departamento de Análises Clínicas e Toxicológicas ligados ao Conselho Diretor da Faculdade de Ciências da Saúde

2007 – 2015: Maria de Meneses Pereira

2016 – atual: Débora Teixeira Ohana

Fim do conteúdo da página